Agende sua consulta

TRATAMENTOS > Estética Dental

Clareamento 

O clareamento dental é uma técnica que consiste em branquear os dentes através do uso de um gel de peróxido de hidrogênio ou peróxido de carbamida. Estes géis são utilizados em diferentes concentrações levando em consideração a sensibilidade apresentada pelo paciente e o tipo de clareamento que será utilizado. Existem três tipos de clareamento:

Clareamento caseiro: Neste tipo de clareamento o paciente utiliza uma placa  que é confeccionada de forma individualizada, para que se adapte perfeitamente a seus dentes. Nesta modalidade de clareamento é utilizado um gel em menores concentrações, já que o gel acaba entrando em contato com outros tecidos e em pequenas quantidades acaba sendo ingerido com a saliva. A duração do uso deste tipo de clareamento é 1 hora por dia, por um período de até 4 semanas.

Clareamento de consultório (laser): Neste tipo de clareamento o paciente realiza sessões no consultório. Nestas sessões, os dentes são isolados e é utilizado gel clareador em alta concentração. Para aceleração do efeito do gel é utilizado o laser. A concentração do gel utilizada no consultório é tão alta que causa queimadura ao entrar em contato com a gengiva, por isso deve ser feita de forma monitorizada no consultório. A vantagem desta modalidade é que a velocidade do clareamento é bem superior ao caseiro, porém como desvantagem ocorre mais sensibilidade dental. Cada sessão tem duração de 45 minutos e para conclusão do tratamento são necessárias entre 3 a 5 sessões.

Clareamento combinado: Nesta modalidade são realizadas 2 sessões de clareamento de consultório, uma no início do tratamento e outra ao final. Entre essas sessões é realizado o clareamento  caseiro. Esta opção é a que apresenta melhores resultados em termos de coloração e duração de resultado.

Clareamento Laser

Clareamento Caseiro

Clareamento

Clareamento

 

Lentes de Contato/ Facetas Dentais(Laminados Cerâmicos)

As lentes de contato dental têm sido cada vez mais procuradas pelos pacientes nos consultórios, já sendo a técnica preferida dos famosos. As especialidades da odontologia que apresentam melhor capacitação para realização de tal procedimento são a Dentística e a Prótese. Suas indicações são para pacientes que se encontram insatisfeitos com cor, formato, tamanho e posição dental. O plano de tratamento para realizar as lentes de contato ou facetas de porcelana seguem alguns passos:

1º  Fotografia do paciente 

2º Digital Smile Design –DSD (Design digital do sorriso): Neste passo é avaliado no computador, através das fotos realizadas, o tamanho, formato, coloração e exposição dental e da gengiva. Em seguida iniciada a simulação do novo sorriso com o novo formato, tamanho e coloração.

3º Teste Mockup: Este passo consiste em transferir a simulação do computador para a boca do paciente, e assim o paciente consegue avaliar se gosta do resultado ou deseja realizar alguma alteração.

4º Preparo dos dentes: Neste passo são realizados desgastes nos dentes quando necessário, moldagem, definição da cor e envio para o laboratório.

5º Prova da Lentes de contato/ facetas dentais: neste caso é avaliada a adaptação, formato, harmonização e cor juntamente com o paciente

6º Cimentação das lentes de contato/ facetas dental

Lentes de Contato dental Finalizadas

Lentes de Contato dental

Lentes de contato dental

Lentes de contato dental

Lentes de contato dental

Lentes de contato dental

Teste Mockup

 

Qual a diferença entre Lentes de contato e Facetas?

Primeiramente deve-se saber que ambas têm o mesmo objetivo, são ‘‘capas’’ de porcelana, tecnicamente chamados de laminados cerâmicos. A diferença basicamente está na espessura de cada uma.

As lentes de contato dental são capas ultrafinas de cerâmica com cerca de 0,2 a 0,4 mm de espessura, minimamente invasiva, ou seja, necessitando de pequeno ou nenhum desgaste, destinadas a pequenas correções, como leves desalinhamentos, correção do formato dos dentes, melhora na textura e cor, fechamento de diastemas e aperfeiçoamento do design do sorriso.

Já as facetas de porcelana são capinhas feitas de cerâmica com espessura até 4 vezes maior. Essa maior espessura garante uma melhor cobertura na correção de grandes falhas, como no caso de manchas que resistem a clareamento, dentes com maior desalinhamento e problemas na estrutura dental. Deste modo, a maior espessura das facetas exige um desgaste maior de estrutura dental. 

 

Facetas em Resina

As facetas em resina têm o mesmo objetivo dos laminados cerâmicos, porém, são feitas  com resina composta, o mesmo material utilizado para reconstruir os dentes após remoção de carie. A vantagem desta técnica é que as facetas ficam prontas em um tempo menor e apresentam menor custo. Já a desvantagem é que são bem mais frágeis que as de porcelana, portando os cuidados devem ser redobrados.

Faceta em Resina

Faceta em Resina

 

Restauração Estética

As restaurações estéticas são realizadas com uso de resina composta, este material tem sido usado na odontologia com diversas finalidades, tais quais: mudança de formato dos dentes, restaurar dentes fraturados, preencher cavidades provocadas pela cárie e minimizar imperfeições do esmalte dentário.

Restauração Estética

Restauração Estética

Restauração Estética